Coligação Atitude Para Governar realizou comício no Distrito Vista Alegre

Vista Alegre sofre com abandono; Giovana e Gauchinho documentam em cartório, obras de asfalto e novas moradias.

Vista Alegre tem a mesma idade de Maracaju, mas está longe de ser beneficiada com obras de infraestrutura como rede de esgoto, e asfalto. As únicas obras recentes instaladas no distrito, que tem cerca de cinco mil moradores, foram um posto de saúde e uma Escola municipal nova, construída na administração do ex-prefeito Celso Vargas (PSDB).

Isolada, a comunidade espera pela implantação de uma torre de comunicação para telefone móvel.  Moradores denunciam que a prefeitura cortou os benefícios do Segurança Alimentar e Vale renda, de quem recebeu moradia. No distrito, 350 pessoas eram beneficiadas com as cestas.

Outra grande reclamação da comunidade é falta de ambulância para socorrer os enfermos e a abertura do posto de saúde no período noturno. A ambulância fica na residência do motorista, que só faz o socorro de emergência depois de ser procurado. 

O empresário Dulcimar, o Gauchinho, disse que a movimentação mensal de Maracaju é de R$ 14 milhões e parte desse recurso, 35% vem de arrecadação da indústria e produção agrícola na localidade. O ex-prefeito Celso Vargas disse que em 2012 quando saiu da prefeitura, deixou em caixa R$ 5 milhões, sendo R$ 3 milhões para Maracaju e R$ 2 milhões para a obra de asfalto em Vista Alegre. E que as benfeitorias foram anunciadas neste ano, pela atual gestão, por causa do período eleitoral.

Giovana e Gauchinho, registraram em Cartório, compromisso de asfaltar as ruas de Vista Alegre e levantar loteamento para construção de nova moradias, a garantia aconteceu durante o comício realizado no dia 1º de setembro em Vista Alegre, distante á 50 quilômetros de Maracaju.

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter